0800 039 4269
Atendimento aos Usuários de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do
Rio Paranaíba
FALE CONOSCO
Formulário Online
E-mail
Telefone
(64)3431-5026
Endereço
Rua Padre Félix, 129, Sl. 5 - Centro
Itumbiara - GO
CEP: 75.503-120
©2013. Todos os direitos reservados.

Esculpida pelo rio

Autor: Joaquim Antônio Amaral de Oliveira

Rio das Cores

Autor: Márcio Germâno

Fonte de Vida

Foto por: Marcela da Silva Tosta

NOTÍCIA » Solenidade de abertura do Encob tem a presença do governador de GO

06/10/2015 às 10:00

Ocorreu, no segundo dia (05) do Encontro Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas, a abertura oficial do evento com a presença de diversas autoridades, como o Governador do Estado de Goiás, Marconi Perillo, o Prefeito de Caldas Novas, Evandro Magal, o Coordenador do Fórum Nacional de Comitês de Bacias Hidrográficas, Affonso Henrique de Albuquerque Júnior (FNCBH), o Secretário técnico permanente da Rede Internacional de Organismos de Bacias (RIOB), Jean-François Donzier, dentre outros.

O Governador do Estado de Goiás, Marconi Perillo, enfatizou que o trabalho dos comitês é fundamental para o Brasil. Além disso, ressaltou também sobre a importância da gestão das águas. “Goiás está avançando muito nesse quesito, investiremos todo recurso que for necessário para garantir água em quantidade e qualidade para população”, destacou.

O presidente da Agência Nacional de Águas, Vicente Abreu, saudou a liderança do governador Marconi Perillo na defesa da gestão racional dos recursos hídricos. “O senhor será o primeiro governador a ser chamado de governador das águas”, afirmou. Segundo ele, o lado bom da crise hídrica é o despertar para visão de que é importante gerir os recursos hídricos. “Um segundo aprendizado é a mudança do conceito de consumo de água no Brasil”.

Para Vicente Abreu, além da redução das perdas é importante discutir a implantação de novas tecnologias, que permitam o reuso das águas. Ele lamentou a retirada, pelo ministério do Planejamento, da gestão plena de recursos financeiros pela Agência Nacional de Águas. “Com ou sem recursos faremos a gestão das bacias hidrográficas por meios dos comitês estaduais”, desabafou, ao defender a implementação plena dos fundos estaduais para consolidação dos comitês de bacias.

Gestão ambiental
O presidente do Fórum Nacional de Bacias Hidrográficas, Afonso Henrique Albuquerque, destacou que o fórum ocorre no momento em que o Brasil enfrenta uma grande crise hídrica na maior cidade do País, São Paulo. “Agora é imperativo a necessidade de tornar indispensável a gestão ambiental”, afirmou, ao destacar a importância dos comitês de bacias, “a base da pirâmide” da gestão dos recursos hídricos do Brasil.

Fonte: Assessoria De Comunicação Do Governo De Goiás