0800 039 4269
Atendimento aos Usuários de Recursos Hídricos da Bacia Hidrográfica do
Rio Paranaíba
FALE CONOSCO
Formulário Online
E-mail
Telefone
(64)3431-5026
Endereço
Rua Padre Félix, 129, Sl. 5 - Centro
Itumbiara - GO
CEP: 75.503-120
©2013. Todos os direitos reservados.

Esculpida pelo rio

Autor: Joaquim Antônio Amaral de Oliveira

Rio das Cores

Autor: Márcio Germâno

Fonte de Vida

Foto por: Marcela da Silva Tosta

NOTÍCIA » Diretoria visita Mato Grosso do Sul e se encontra com Presidente da ANA

03/06/2015 às 08:00

A diretoria do CBH Paranaíba participou, no dia 02 de junho, da abertura das atividades em comemoração aos mês do meio ambiente promovida pela SEMADE - Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico do Mato Grosso do Sul.
O foco das discussões foi a Política Nacional de Recursos Hídricos e a Política de Recursos Hídricos do Estado de Mato Grosso do Sul, aprovada em 2002. Durante a reunião foram também apresentadas as atividades do  Conselho de Recursos Hídricos de Mato Grosso do Sul, que discutirá a criação dos comitês de bacia dos rios Santana e Aporé, afluentes do rio Paranaíba.?
Participaram do evento o Presidente da ANA - Agência Nacional de Águas, Vicente Andreu; o Superintendente de Apoio ao Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos da ANA, Humberto Cardoso Gonçalves e o Secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico de Mato Grosso do Sul, Jaime Verruck.
Recursos financeiros para o CBH Paranaíba
O presidente do CBH Paranaíba, Bento de Godoy Neto, conversou com o Presidente da ANA a respeito do futuro do Comitê após o encerramento do contrato de gestão com a ABHA em 31/12/2015. Vicente Andreu garantiu que o Comitê não ficará desamparado, mas que o comitê deve avançar em suas pautas de ação, dentre elas a cobrança e o enquadramento.
Bento de Godoy confirmou a disposição do CBH Paranaíba em discutir de forma efetiva a cobrança e mostrar que o Comitê está disposto a avançar concretamente em suas ações também de enquadramento,  integração e apoio aos comitês estaduais afluentes.

Fonte: Assessoria De Comunicação